• Susana de Sousa

3 chaves para o sucesso

Se a tua vida é a tua vida de sonho, podes parar de ler este artigo. Escrevo apenas para aqueles que vivem frustrados com o seu momento presente, que sentem que lhes falta algo fundamental e que não conseguem ver brilho e propósito nas suas vidas.


Se és uma dessas pessoas, então vais querer as 3 chaves para o sucesso. Sabes que não estás a viver a tua vida no seu máximo potencial e intuis que há algo maravilhoso à tua espera. Só te faltam as chaves para abrir as 3 portas mágicas.


Estás a pensar que te vou entregar as 3 chaves para o sucesso? Enganas-te. Não as dou, porque não as tenho. Quem as tem és tu.


Sim, tu já tens as chaves, e o teu erro é achares que não as tens. O teu erro é achares que vieste a este mundo de forma aleatória, que não és um ser completo e perfeito, com tudo o que é necessário para viver uma vida genial.


Deixa-me contar-te uma pequena história:


Era uma vez uma gotinha de água. A gotinha vivia nas pétalas de uma flor e gostava de observar as nuvens que voavam alto no céu, sonhando ser como elas.


- Que pena eu não ser como as nuvens! Voam tão alto! Estão tão perto da grande Luz!


A gotinha achava que a sua vida até tinha sido longa: tinha nascido no orvalho da manhã e já se sentia pronta para partir no final do dia.


- Já vivi, e isto foi tudo. Acho que elas lá em cima são eternas. São tão grandes e luminosas! Por que terei nascido tão pequenina? Que vida tão triste a minha!


O Sol aqueceu bastante e a gotinha evaporou, tornando-se nuvem.


Eis algumas coisas que a gotinha desconhecia mas que nós lhe poderíamos ter dito:

  1. a essência da gotinha e a essência das nuvens é a mesma

  2. a gotinha reclamava e sofria porque a sua percepção era errada

  3. a gotinha já existia antes do orvalho da manhã e continuou a existir depois do final do dia – era eterna como as nuvens

Conclusão: a gotinha sonhava ser algo que afinal já era!


Não te parece que a gotinha teria sido mais feliz se soubesse tudo isto?


Agora, fecha os olhos e pergunta:


Qual é o meu sonho? Qual a nuvem eterna e brilhante que reluz dentro de mim?


Dá-te tempo... Encontra a resposta bem lá no fundo da tua alma.


Não permitas que a tua Mente te contamine com os sonhos e desejos dos outros. Com o que a sociedade e a tradição dizem que é correto. Vai fundo em ti. Sente dentro, bem no fundo, mergulha, descobre-te... Encontra o teu sonho.


As chaves que te vou mostrar são as minhas chaves. São as chaves que eu uso para abrir as minhas portas. Talvez te sirvam, talvez não.




1ª chave: mudança de percepção


Somos como a água e as nuvens, todos ligados a tudo. Por isso é que é ridículo falar mal de alguém ou agredir alguém. Tudo faz parte de nós. A nossa Mente racional é que nos impede de ver essa dimensão vastíssima, levando-nos a julgar as situações de acordo com parâmetros de certo ou errado. Isso cria divisões internas, que depois encontramos fora de nós em divisões externas. E são essas divisões que nos desconectam da nossa essência e nos levam para situações de desgaste.


Leva a tua consciência para o sonho que descobriste dentro de ti. Mergulha nele. Sente-o. Sabe que és esse sonho. Então, ele não é inatingível, pois não?


2ª chave: gratidão


Comecei a praticar a gratidão nas minhas aulas de DeROSE Method, onde o pújá, prática milenar de retribuição ética de energia, nos punha em contacto com o nosso coração e a sua força de dádiva. Ao fazer isto todos os dias, cada vez com mais energia, a gratidão tornou-se parte do meu Ser. Comecei a levar esta prática para fora da sala de aula, para o mundo.


Mais tarde, li estudos científicos que comprovam uma série de benefícios nesta prática. A verdade é que estas práticas milenares de tradição oriental já continham grandes ensinamentos que só agora a ciência começa a explorar.


Ao substituirmos a habitual reclamação pela gratidão profunda, mudamos a vibração das nossas células e começamos a atrair energia de alta frequência.


A maior parte das pessoas não tem noção do quanto reclama!


A prática da gratidão tem de tornar-se um hábito diário. Poderás reservar um espaço/tempo só para isso:


- de manhã, ao acordar, diz em voz alta ou escreve algumas coisas pelas quais estejas grato. Depois começa a acrescentar outras pelos quais não estejas, mas diz à mesma que estás. Uau, uma mentirinha? Sim e não. Na verdade, tu estás grato, só que não sabes!


- antes de dormir, diz ou escreve algumas coisas do teu dia pelas quais estás grato. Depois, diz ou escreve o teu sonho e agradece, como se ele já fosse teu.


- no teu dia-a-dia, nos momentos mais duros (trabalho, trânsito, tarefas domésticas...) diz mentalmente que estás grato por isto e aquilo. Podes inventar, não faz mal! O que conta é o alinhamento energético que ocorre nesses momentos.


E depois de fazeres isto alguns dias, conta-me como foi. Gostava de saber se funciona da mesma forma para todos.


3ª chave: eu não estou limitada e este corpo, a este espaço, a este tempo


Esta talvez seja a chave mais difícil. Eu achava mesmo que estava limitada a ser a Susana, que ia viver e morrer e puf!... acabou...


Não acreditava em nada que não pudesse ver com os meus olhos, que não pudesse ser comprovado cientificamente. Até que um dia aconteceu uma coisa que me fez despertar. Percebi que a vida continua e que aquilo que percepcionamos como morte é apenas mais uma transformação. Percebi que do outro lado do véu há outras formas de vida! E a Eternidade tocou-me, fazendo-me sentir mais vasta do que aquilo que julgava possível.


Perspectiva a tua vida a partir desta dimensão eterna e vê se o que estás a viver neste momento está a honrar uma dimensão tão ampla. Não te estás a diminuir perante a vastidão daquilo que és? Não estás a dar pouco valor ao Ser que és?


Achas mesmo que és só um corpo que surgiu de forma aleatória neste espaço-tempo? Essa é a visão da tua Mente, e ela não honra aquilo que és. Aprende a silenciar a Mente. Ela está a bloquear o teu caminho rumo à imensidão da tua verdadeira essência.



Conclusão: eu sonho ser algo que afinal já sou!


Tu és o teu sonho. Tu és mais do que o teu corpo, neste espaço-tempo reduzido.


Se já és o teu sonho, vais atrair o teu sonho para a tua vida! Basta que afastes de ti tudo o que tu não és e vibres na mesma frequência do teu sonho.


Para afastares tudo aquilo que não é parte de ti, precisas de estar muito consciente. Observa os teus pensamentos. Cria uma fortaleza de luz a partir do teu coração, para que os pensamentos negativos se diluam. Não os alimentes. Sempre que surgir um pensamento negativo substitui por algo positivo. É como tratar de um jardim: elimina as ervas daninhas e planta flores. Tens de regar todos os dias.



E lembra-te: o teu caminho é único.


Não encontrarás ninguém igual a ti. Podes parar de procurar na vida dos outros as chaves para a tua felicidade e para o teu sucesso. Honra-te, amando o Ser que és. Agradece tudo o que viveste até hoje, pois tu e a Vida são a mesma essência. Permite-te brilhar, e ao brilhar irás irradiar luz para os outros.


As chaves do sucesso estão na tua mão. Cabe-te a ti fazer uso delas.

Viaja comigo nas histórias! 🍄✨🌷✨🐉✨👑


>> Subscreve aqui a newsletter do YourSELFstory para receber conteúdos exclusivos.


O que dizem desta newsletter:


“Espectacular!”

“Obrigada por seres este veículo de descoberta e autoconhecimento.”

“Wow! Adorei!”

“Susana, todas as suas mensagens vêm mesmo no momento certo.”

“Emocionante.” “Tanta LUZ!”

“Estás a funcionar como um despertador!”

“Lindo!”

91 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo